SÉRGIO SILVA: Pacientes que faltam a exames em Joinville chega a 24%

PUBLICADO EM: 17/04/2018 - 17:31 | ATUALIZADO EM: 17/04/2018 - 17:31

POR SÉRGIO SILVA | PARA: DIÁRIO DO COTIDIANO | FALE CONOSCO

O secretário municipal de Saúde, Jean Rodrigues da Silva, prestou conta aos vereadores durante a sessão de segunda (16), sobre as ações implementadas em 2017 na sua pasta. Segundo o secretário, foram aplicados R$ 651,6 milhões na saúde de Joinville em 2017. O valor corresponde a uma aplicação de 41,31% dos recursos arrecadados pelo município no ano passado. A obrigaçao legal mínima é de 15%. Destes R$ 651 milhões, 66% eram recursos próprios, 33% eram repasses federais, e 1%, estaduais.

A secretaria totalizou 482.724 consultas na atenção primária. Considerando também as especialidades, a secretaria efetivou 1.396.917 consultas, média de 2,45 por habitante no ano. Os exames laboratoriais somaram 2.346.634 procedimentos. Foram feitas 210.948 radiografias. O número de ultrassonografias chegou a 70.570. As demandas judiciais de medicamentos caíram de R$ 7,3 milhões, em 2016, para R$ 4 milhões, em 2017.

Por outro lado, há um número que a secretaria quer baixar em 2018: o de pacientes que faltam a consultas e a exames. Segundo Jean Rodrigues da Silva, a abstenção chegou a 17% das consultas agendadas. O índice dos exames foi ainda maior: 24%.

 

COMENTE SOBRE ESSA MATÉRIA

COMPARTILHE